sexta-feira, 27 de maio de 2011

Arrogância

Não gosto quando as pessoas me julgam. Às vezes falam de mim como se eu fosse uma pessoa arrogante.
Há uma coisa que eu nunca faço: nunca me dou a conhecer quando falo com as pessoas pela primeira vez. Facto. Não é por vergonha mas eu sou céptica. Eu observo tudo nas pessoas, estudo-as e tenho uma tendência a descobrir a essência das pessoas. É inexplicável. Eu não tenho falsos amigos porque sei escolher porque observo. Se vir algo de anormal, já sei que é uma conspiração e tal facto já me aconteceu. No início posso ser arrogante mas não é por mal: é para testar. No início, não contem também com a minha plena simpatia nem disponibilidade porque eu não sou assim.
De certa forma compreendo por que razão dizem que sou arrogante mas, se me conhecerem a fundo, eu não passo de uma mera pessoa, diferente de todas as outras... com mais defeitos que qualidades, obviamente e que, afinal, a arrogância era uma arma.
Portanto, não ponham rótulos que os humanos não são umas latas de salsichas.

6 comentários:

  1. A mim é mais o punk, mas o punk é uma vertente do rock, só que também é uma ideologia, uma forma de viver. Vou ouvir agora ;)

    ResponderEliminar
  2. Adoro tudo o que escreves! É um facto!

    ResponderEliminar
  3. De hard rock amo Ac/dc! São perfeitos! Fogo, ando a procura duma música dos radiohead que tenho na cabeça mas não me consigo lembrar do nome... xD Nem um pedaço da letra, só a guitarra mesmo... Detesto quando isto acontece xD

    ResponderEliminar
  4. Eu adoro os teus textos simplesmente :)

    ResponderEliminar
  5. Não, por acaso já conhecia esta... Acho que não é muito conhecida e fazia-me lembrar a creep...

    ResponderEliminar
  6. Haha esquece, já a encontrei era My iron lung xD

    ResponderEliminar

"Procura o que escrever, não como escrever." Séneca
Aviso: Não se aceitam comentários que não se relacionem com o post. Obrigada pela compreensão.