sexta-feira, 4 de outubro de 2013

Páginas Soltas

Talvez hajam almas destinadas a ficar juntas. Talvez haja mesmo o destino, aquilo que eu sempre duvidei existir. Sinto-me um tolo, a escrever nestas páginas soltas, vislumbrando o misterioso nevoeiro que se acumula na colina. Mas sinto-me um tolo apaixonado e nostáligico, tal alma me encantou e me deixou abalado para sempre.
Imagino. Imagino-a aqui, sentada ao meu lado, em silêncio e abraçada aos seus joelhos. Não precisa de dizer nada para eu saber no que está a pensar e agrada-me que não seja preciso um diálogo constante. Revejo o sorriso rasgado e sorrio timidamente. Quão tolo sou por estar apaixonado.

4 comentários:

  1. É bom estar apaixonado, o amor não é uma coisa má. Espero que tudo corra pelo melhor!

    ResponderEliminar
  2. Apaixonarmo-nos é ótimo, mas é também uma das coisas mais capazes de nos tornar uns idiotas, só porque sim! Estar apaixonado é o bilhete de ida para um mundo de emoções incríveis, mas também o meio mais fácil de alcançar a "estupidez" :p
    Estou muito contente que estejas de volta! Já sentia a tua falta por estas bandas! :)
    Tu és muito perspicaz, e com um pouco de tempo, acredito que acabes por descobrir quem sou, ou quem fui... :)) Peço-te desculpa pela ausência!
    Beijinho, e sê feliz e apaixonada, sempre! :*

    ResponderEliminar
  3. Não é tolice, é sentimento! E esse sentimento é tão bom! Mas tu já sabes disso não é? :)

    ResponderEliminar

"Procura o que escrever, não como escrever." Séneca
Aviso: Não se aceitam comentários que não se relacionem com o post. Obrigada pela compreensão.