sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Eu não entendo as pessoas... acho que devo seguir veterinária...

Há uma colega na minha turma que é do género: tirou uma boa nota e orgulha-se dela durante anos. Quando eu digo anos, acreditem que é mesmo anos. Então ela passa a vida a idolatrar-se e a fazer de vítima até que hoje, mais uma vez, foi achincalhada novamente sem perceber. Tipo, uma pessoa tão culta e inteligente não percebe ironias? OMG! Ou sou eu a única que topo ironia a léguas? Agora a sério, ela estava a falar de vindimas e eu disse que nunca tinha ido a nenhuma e ela arregaça as mangas, mostra-me dois arranhões minúsculos e diz-me: "Olha o que eu arranjei a colher uvas! Nem sabes a sorte que tens." Eu olhei para ela e numa cara séria, "Realmente são enormes..." E pronto... ela não percebeu e estava toda feliz por estar-me a mostrar as sequelas de uma vindima sangrenta! haha Enfim, depois há coisas que nós não precisamos de saber, do género o que ela vai fazer de tarde. Seriously girl... what the fuck is wrog with you? Who cares? 

15 comentários:

  1. Ahah! Será ela mais uma daquelas que "cortam seus pulsos" e fotografam no tumblr? Não sei se já te deparastes com isto, mas é bem ridículo, vê-se que os cortes eram "enormes" e "profundos", tal qual de um real suicida, nem sei ao certo se sobreviveram. O.O
    Aff! Uma pessoa com síndrome do coitadinho que a olhos vistos só obteve em anos uma boa nota para ainda estar se gabando disto só pode ser uma asna que não tem os mínimos neurônios de perceber uma ironia.
    Quanto aos comentários, não tem do que agradecer, seu projeto está excelente mesmo, sabe que quando algo não me desagrada, falo, vide meu último post. ahaha. É a própria FAQ que sugeristes dias atrás. haha. A mim me interessa todo o tipo de história, desde que bem escrita.

    ResponderEliminar
  2. concordo plenamente! há pessoal q sinceramente n percebe nd de sarcasmo/ironias --'

    ResponderEliminar
  3. E eu a pensar que era a única sortuda a encontrar este tipo de criaturas...

    ResponderEliminar
  4. Hayley, eu nem entendo como o Escritos Lisérgicos atingiu mais de 100 seguidores, eu falo sobre assuntos que parece interessar a pouca gente e sei que não estás a me manipular. ahah. Há muito tempo que penso assim. Não vou falar de amor porque não sei o que é, não vou fazer a síndrome do coitadinho para ganhar mais seguidoras e elas me amarem e eu concorrer a um concurso em uma revista. ahah, esta ficou para a história. Eu também subscrevo isto porque esta mania tem de acabar e podes não acreditar, mas acabo de excluir um comentário megalomaníaco. O.O. Na blogosfera não se lê, ahah. Esta é a última vez que faço um post sobre o assunto, também não quero ser semelhante a bruxaria, ahah. Se ela foi uma cabra contigo, apóio, não sou adepto ao perdão.

    ResponderEliminar
  5. O mais estúpido é tirar grandes notas e não saber interpretar ironia/sarcasmo o.o Só demonstra o quanto estuda só para a escola e cultura geral nem vê-la.

    ResponderEliminar
  6. Ahah, eu sempre fui meio assim, rebelde e polêmico e tenho certeza que isto que nos atraiu, hoje considero-te não somente uma seguidora, mas uma real parceira, não somente de blogue, mas como escritores e em textos coletivos, que, aliás, está a me fazer falta. Pensemos em um tema logo, se quiseres, claro. ahah.
    Acabo de receber outro post "nonsense". E veio daqui. :( Ter seguidores que não lêem não é privilégio exclusivo meu. ahah.

    ResponderEliminar
  7. Não tem importância nenhuma, foste a única a comentar naquele post, os seguidores devem pensar que sou satânico (tomara que pensem ahah), creio que eu também iria a guilhotina...
    Quanto as descrições, também tenho ido pouco ao facebook, acredite-me, tenho ido mais ao twitter! Quero divulgar meus trabalhos, mas está difícil, quanto as descrições foi apenas uma constatação, penso que continuas a escrever imenso bem! Vê-se por este último projeto que, sinceramente, eu não ofereceria gratuitamente, eu venderia como fiz com 11 noites insones. Se posso dar um conselho, não dê o melhor de si gratuitamente, dê algo de bom, mas nunca o seu melhor! Sim, veio daqui. Deletei. ahaha

    ResponderEliminar
  8. Eu tambémm adoro, ahah, admito. Ria-me demasiado dos "bem vindas" recebido no início do perfil de escritor do facebook mesmo tendo o Christian ali, penso que estou perdendo dinheiro, devia seguir os passos de Andrej Pejic. Só nao sei se saberia andar de saltos tal como ele faz. :O Seria outra entorse. ahaha.
    Eu também não sei como divulgar os trabalhos no twitter, mas ainda descobrirei. Tenho que descobrir, estou apenas com 44 seguidores e isto parece que lá é de suma importância, mais que a blogosfera... Estou perdido. haha.
    Sim, estás em dívida comigo, quero a sinopse! E quero muito seus trabalhos publicados para comentar, resenhar e entrevistá-la em meu blogue. Não fiques só nos sonhos, aja!
    Sim, era uma mentirosa. ahah.

    ResponderEliminar
  9. Teu comentario foi moderado e nao apareceu. Ao menos nao aparece para mim. O.O. Sorte que sempre leio antes de moderar.
    Ahah, senti-me lisonjeado quando disse da minha idade, significa que não sou retardado como a maioria, não sei como é em Pórtugal, mas aqui no Brasil dos dezesseis aos 25 são em sua maioria debéis mentais. E sim, meu único medo são as entorses, pois eu roubaria o lugar do Pejic. ahaha. Estou a brincar, mas em sério, muitos confundem e acho piada, porque sei que pareço mesmo, tua visão é sobrenatural.
    Oh God, não lembro do resto que escrevestes, apenas posso dizer que te entrevistaria, seria via e-mail... seria legal. Aliás, devia ter isto na blogosfera, é uma ideia... (ou idéia... maldito novo acordo ortográfico)

    ResponderEliminar
  10. Vou esperar um pouco para moderar os comentários, está dando um erro com um código estranho...

    ResponderEliminar
  11. Não aparece alguma mensagem de erro para ti? O comentário de Cassandra deu certo e o teu não. O.O. Se tiveres que me enviar algo, envie ao facebook, corre o risco de que falhe e sequer chegue por aqui. A blogosfera está de complô contra nós. ahah.
    Para mim apareceu mas moderei e não aparece no blogue, talvez seja provisório e rachei-me de rir com o que dissestes de Portugal. ahaha. Sei que estás a brincar.
    Quanto ao relato de termos nos falado antes, os que disseram bem vinda conversaram comigo antes que tu e trocaram e-mails comigo. ahah. Um é parceiro da Bookess, por isto acho piada demais esta confusão de gêneros, me diverte, a sério, não me incomoda nem um pouco. Só acho que estou perdendo dinheiro. ahah. Penso que seria uma entrevista e tanto. Publica logo!

    ResponderEliminar
  12. Desta vez nem moderei... vou aguardar um pouco, pode ser que esteja havendo incompatiblidade entre nossos blogues. Acho que de tantas farpas que soltamos a blogosfera nos censurou. ahah.
    Decididamente, deve ser muito superior. ahah.
    Eu acho piada porque é algo que mesmo que pareça, não tem nada a ver com outra pessoa. Se me confundissem com conhecidos, não gostaria, mas penso que isto me torna de certa forma original. ahah.
    Em realidade, não me importo em nada com gêneros, há tantos, só as mentes limitadas ainda veem apenas homem/mulher e a androginia é de algum modo fascinante.
    Já enviei a editoras a sério aqui do Brasil, mas há tantos originais, um conhecido virtual que conhece estas editoras disse-me que eles recebem de 200 a 300 originais por semana (imagine o tanto de escritores ou aspirantes há. :O) e que muitos vão para o lixo sem ser lidos, portanto, não espero muito. Gosto da minha independência e os direitos autorais são todos meus, não terei que dividir. Contanto, seria hipócrita de minha parte dizer que não queria estar em uma grande editora. Claro que sim. Apenas não é tão simples assim, infelizmente.

    ResponderEliminar
  13. Copiei aqui para não poluir seu novo post. O que houve com a blogosfera hoje, só eu, você, Soraia e Cassandra e duas mentirosas estão online? ahah.
    Estou saindo, bruxaria em breve chega para falar asneiras.

    ResponderEliminar
  14. LOL a rapariga deve ter boas notas muito raramente, por isso é que se orgulha durante anos :) Além disso, as boas notas não demonstram necessariamente inteligência.

    A imagem do gato está um fenómeno :D

    ResponderEliminar

"Procura o que escrever, não como escrever." Séneca
Aviso: Não se aceitam comentários que não se relacionem com o post. Obrigada pela compreensão.